Andamento processual: saiba como a tecnologia vem transformado o setor judiciário


Andamento processual: saiba como a tecnologia vem transformado o setor judiciário

Saber o que está acontecendo em um processo judicial não é só uma questão de facilitar a rotina do escritório de advocacia. É, também, uma maneira de fazer um trabalho eficiente e transparente. Portanto acompanhar o andamento processual é, acima de tudo, levar informações precisas para o cliente.

No entanto, esse procedimento caminha a passos lentos no sistema judiciário brasileiro. Afinal, acompanhar manualmente essas informações é bastante trabalhoso, o que acaba fazendo muitos interessados desistirem desse monitoramento de perto. Mas, com o uso da tecnologia, tudo isso pode melhorar.

É sobre isso que vamos abordar neste post. Conheça como funcionam os robôs que realizam acompanhamento processual, quais os benefícios dessa tecnologia e quais os motivos para investir em automação. Saiba, ainda, como encontrar uma empresa com soluções tecnológicas para o setor jurídico. Confira!

O que é o andamento processual automatizado?

Procurar informações em sites e sistemas judiciários com ajuda de robôs é o que se conhece por automação de consulta e acompanhamento de processos. Esse procedimento funciona a partir de um algoritmo ou robô, que faz o escaneamento de um site e busca os registros de informações colhidas em um banco de dados.

Essas informações podem ser utilizadas pelo escritório de advocacia para realizar análises descritivas e outros estudos.

Quais os benefícios dessa tecnologia no setor jurídico?

A tecnologia possibilita uma série de transformações no setor jurídico. Por exemplo, é possível observar a facilitação no acesso à informação qualificada, que agora pode ser encontrada pela internet. Vamos conhecer, a seguir, como a tecnologia ajuda esse setor.

Acesso a informação qualificada

A documentação de processos judiciais precisa ser organizada e, mais do que isso, categorizada, para que o escritório de advocacia consiga abstrair as informações mais importantes. Nesse sentido, a tecnologia tem evoluído ao ponto de realizar classificação dos andamentos judiciais de forma automatizada.

Com a utilização de tecnologia api ou api jurídica, é possível, por exemplo, realizar classificação dos polos do processo judicial. Isso ajuda a resolver a dificuldade em encontrar diversas nomenclaturas em partes do processo.

Com o uso da tecnologia, é possível adicionar as informações em cinco grupos distintos, que cobrem todas as possibilidades processuais, tanto de terceiros quanto por juiz ou desembargador.

Jurimetria

Para o escritório de advocacia tomar decisões mais corretas, ele precisa se basear em um bom estudo de dados. Dessa forma, a geração de um grande volume de processos eletrônicos e a possibilidade de ter acesso a eles fez com que surgisse uma nova tecnologia, chamada jurimetria.

Ela consiste na capacidade de mensurar informações a partir de dados jurídicos. Pode-se dizer que é uma aplicação dos conhecimentos estatísticos na área do Direito.

Esse tipo de estratégia pode ser facilmente aplicada, por exemplo, na construção de uma inteligência empresarial. Isto é, ajuda o escritório a elaborar análises descritivas e aprofundadas das matérias do Direito, utilizando a mineração de dados. Com a jurimetria, é possível aumentar consideravelmente as chances de sucesso nos processos judiciais.

Robôs jurídicos

Assim como os escritórios de advocacia têm adotado tecnologias voltadas para o setor jurídico, os tribunais de justiça também têm usado os seus robôs. Por exemplo, é possível encontrar no Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte uma ferramenta capaz de realizar a execução fiscal e a penhora de bens.

Já no Tribunal de Justiça de Pernambuco, o robô denominado Elias consegue fazer a triagem dos processos de execução fiscal, além de conferir os dados da certidão de dívida ativa (CDA). O Tribunal Superior Eleitoral também largou na frente com a utilização de robôs. Ele faz uso de um algoritmo capaz de atender aos eleitores por mensagem direta.

Quais motivos para se investir em automação?

A automação de consulta e acompanhamento de processos traz vários benefícios para o escritório de advocacia. Vamos conhecer alguns, a seguir.

Agilidade

Realizar pesquisas em domínio público pode ser bastante trabalhoso, uma vez que o volume de documentos é grande e a busca por palavra-chave pode ser ainda mais difícil para encontrar os dados necessários. Com o uso da automação, essa situação se torna mais facilitada.

Os algoritmos conseguem consultar e acompanhar o processo de maneira ágil e inteligente. Além disso, a tecnologia disponibiliza essas informações quando for necessário.

Vantagem competitiva

Diante do grande volume de trabalho, o escritório de advocacia deve constantemente buscar formas de aproveitar melhor o tempo e ganhar mais velocidade. Nesse sentido, a empresa consegue captar mais clientes, atender àqueles já finalizados e maximizar os seus lucros.

A consulta e o acompanhamento dos processos de maneira automatizada é essencial para garantir essa vantagem competitiva do escritório. Isso porque a equipe acaba não mais perdendo tempo com consultas de dados manuais que, aliás, é uma tarefa bastante exaustiva. Além do mais, a automação ajuda a reduzir o risco de erros e retrabalhos.

Estratégias mais eficientes

Realizar monitoramento de processos da forma manual faz com que as informações coletadas, geralmente, sejam menos concisas. Nessa situação, tomar decisões e interpretar os dados se torna uma tarefa bastante morosa e difícil.

Uma saída para isso é utilizar a automatização de consulta e acompanhamento dos processos judiciais. Esse tipo de estratégia ajuda a fazer a integração das informações de maneira precisa. Como resultado disso, o escritório apresenta estratégias mais efetivas e amplia as suas oportunidades de crescimento.

Como encontrar empresa especializada em andamento processual automatizado?

Quando o escritório de advocacia decide investir na automação para acompanhar o andamento processual, é fundamental que ele busque o apoio de uma empresa que compreenda, de fato, os seus objetivos. Nesse sentido, é importante que a escolha da empresa especializada seja alinhada com perfil do negócio.

Por exemplo, é importante verificar se o fornecedor tem experiência no setor e se ela tem portfólio de trabalho em outros escritórios de advocacia.

Essas foram algumas informações sobre o andamento processual com o uso da tecnologia. Também não se deve deixar de levar em consideração, na hora de contratar esse serviço, se a empresa tem certificações de qualidade. Esse tipo de documentação ajuda a identificar se há um compromisso de sempre oferecer serviços de qualidade.

Quer conhecer uma empresa que apresenta esses diferenciais? Entre em contato com a BIPBOP, que apresenta gestão moderna e qualificada com as melhores práticas, processos automatizados e de alta performance para ajudar o seu escritório.

Andamento processual: saiba como a tecnologia vem transformado o setor judiciário
Compartilhe isso